Deputado Daniel Zen critica atuação do governo com profissionais da Educação

Deputado Daniel Zen critica atuação do governo com profissionais da Educação

O deputado Daniel Zen (PT) usou seu tempo durante sessão ordinária realizada na manhã desta quarta-feira (26), para falar sobre os problemas enfrentados pelo setor da Educação no Estado. O parlamentar destacou desde a greve dos profissionais da área, que realizam manifestações pedindo por melhorias, à situação de estudantes e professores de Xapuri, que tiveram seus respectivos auxílios para a travessia pela balsa, cortados pelo governo.

“A Secretaria de Educação simplesmente cortou o auxílio dos professores e estudantes do bairro Sibéria, que servia para custear a travessia pela balsa. Solicitei informações sobre o motivo do corte, mas até o momento nada disseram. É um absurdo! Também busquei saber sobre as vagas do quadro da Educação para sabermos ao certo a quantidade de pessoas que podem ser convocadas no cadastro de reserva, mas já se passaram 40 dias do pedido e até agora nada. Se alcançarmos 60 dias sem respostas, irei ajuizar essa questão”, afirmou.

Daniel Zen denunciou que apareceram inúmeros “marajás” na Educação e que existem mais pessoas fora do que dentro das salas de aula. “Gastam valores altos com gratificações, com contratos temporários e outras coisas que poderiam ser economizadas. Depois o governo pede a ilegalidade de uma greve feita por profissionais que nada mais pedem do que aquilo que lhes é por direito assegurado”.

Andressa Oliveira/ Agência Aleac

Revisão: Suzame Freitas

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com