Jonas Lima diz que retirou assinatura da CPI a pedido de grupo político “Não tomo decisões sozinho”

Jonas Lima diz que retirou assinatura da CPI a pedido de grupo político “Não tomo decisões sozinho”

Durante sessão remota desta quarta-feira (12), na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), o deputado Jonas Lima (PT) falou sobre a retirada de sua assinatura do pedido de CPI apresentado pelo deputado Daniel Zen (PT), que visava investigar a malversação de recursos na Secretaria de Estado de Educação.

O parlamentar desmentiu que estaria ‘insatisfeito’ com o Partido dos Trabalhadores. “As redes sociais e a imprensa falam que estou insatisfeito com meu partido, mas isso não é verdade. O PT sempre me deu colo e não tenho pretensão de sair do partido”, disse.

Ao agradecer o presidente do PT, Cesário Braga, e demais lideranças da agremiação, o deputado disse que decidiu retirar a assinatura após conversar com seu grupo político, coordenado pelo prefeito e irmão, Isaac Lima. “Eu falei com o Daniel Zen, com o presidente do partido, que meu grupo político pediu para retirar a assinatura”, relatou.

Jonas Lima disse ainda que não teve nenhuma conversa com o governador Gladson Cameli (Progressistas) a respeito do assunto. “Não tive nenhuma conversa com o governador  sobre esse assunto, nem sobre troca de cargo. Nunca pedi cargo nenhum para a minha família, esse não é o meu perfil”, finalizou.

Mircléia Magalhães/Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com