Edvaldo Magalhães diz que convocação de cadastro de reserva da PM foi uma promessa de campanha do governador

Edvaldo Magalhães diz que convocação de cadastro de reserva da PM foi uma promessa de campanha do governador

O deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB) usou seu espaço no pequeno expediente da sessão remota desta terça-feira (9), para comentar as declarações do governador Gladson Cameli (Progressistas) de que não vai mais convocar o restante do cadastro de reserva da Polícia Militar.

O oposicionista disse que não vai esquecer o assunto até que o problema seja resolvido. Salientou ainda que a convocação destes jovens é uma necessidade da Segurança Pública do Acre e o aproveitamento destes no Corpo de Bombeiros do Acre é uma possibilidade real.

“A convocação desses jovens é uma necessidade, é o cumprimento de um compromisso e a realização de um sonho. Digo aos senhores deputados que nós precisamos debater esse assunto até que o compromisso seja cumprido. Não podemos permitir que as pessoas entrem em depressão porque foram enganadas pelo governador. Senhor governador, deixe as questões políticas de lado e resolva logo essa questão”, disse o deputado.

O parlamentar lembrou ainda que esta foi uma das promessas de campanha de Gladson Cameli. “Estamos falando de um compromisso que ele assumiu com essas pessoas, por isso eles estão cobrando”, complementou Edvaldo Magalhães.

Mircléia Magalhães/Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com