loader image

Assembleia Legislativa do Estado do Acre

Emerson Jarude denuncia gastos excessivos em diárias enquanto servidores sofrem com falta de reajustes salariais

Na sessão desta terça-feira (20), o deputado Emerson Jarude, do Partido Novo, trouxe à tona uma série de questionamentos sobre as prioridades de gastos do governo do Acre. Em seu discurso, o parlamentar destacou os valores exorbitantes despendidos em viagens internacionais, especialmente para Dubai, contrastando com a realidade de necessidades locais urgentes.

Segundo dados apresentados pelo deputado, enquanto o estado enfrenta demandas cruciais, como reajustes salariais para policiais penais e servidores do Tribunal de Contas, o governo direciona recursos significativos para diárias em viagens ao exterior. Jarude ressaltou ainda que, em um ano, uma comitiva gastou 150 mil reais apenas com diárias, sem contar os custos com passagens. “Outra comitiva desembolsou a quantia alarmante de 380 mil reais somente em diárias em Dubai”, disse.

O deputado enfatizou a falta de transparência e justificativa para tais despesas, questionando a eficácia dessas viagens em atrair investimentos e parcerias para o estado. Ele ressaltou a necessidade premente de investimentos em infraestrutura, como a ponte metálica, e de valorização dos servidores públicos.

 “A falta de priorização dos interesses da população e a opacidade na prestação de contas minam a credibilidade da política acreana, alimentando um cenário de desconfiança e descontentamento. É muita corrupção e desperdício de recursos e enquanto isso, a população enfrenta um cenário de sofrimento e falta de perspectivas. Uma gestão mais responsável e comprometida com o bem-estar da sociedade torna-se cada vez mais urgente. Esse governo precisa urgentemente rever seus padrões de governança e os critérios de alocação de recursos públicos no Acre”, enfatizou.

Texto: Mircléia Magalhães/Agência Aleac

Foto: Sérgio Vale