loader image

Assembleia Legislativa do Estado do Acre

Michelle Melo cobra providências sobre cadastro de reserva da Polícia Civil e do Idaf

Na sessão desta quarta-feira (7) na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), a deputada Michelle Melo (PDT) fez pronunciamentos enfáticos cobrando ações do governo em relação ao cadastro de reserva da Polícia Civil e do Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (Idaf).

“Passar um ano sendo enganados não dá, espero que possamos de fato fazer algo com a matéria vinda do governo ou que essa casa se disponibilize para que a gente possa fazer o nosso trabalho como legislador e representante do povo”, destacou a deputada em seu discurso.

A parlamentar ressaltou ainda o compromisso assumido antes do recesso em relação à prorrogação do cadastro de reserva e manifestou sua expectativa de que o governo cumpra com o pactuado. “Nós conversamos antes do recesso e ficou pactuado de que o governo iria mandar a prorrogação, de que iria ter uma atitude inclusive também com o cadastro de reserva do Idaf, e esperamos que isso seja de fato resolvido”, acrescentou.

Sindicância sobre desabamento na delegacia da Cidade do Povo gera requerimento na Aleac

Além das questões relacionadas ao cadastro de reserva, a pedetista voltou a abordar a recente polêmica envolvendo o desabamento do teto da cozinha da delegacia da Cidade do Povo. A situação que foi registrada em vídeo pela policial civil Ecilândia Marques motivou uma sindicância contra a servidora.

“Após ouvirmos a policial Ecilândia Marques na sessão de ontem, um dos deputados da base sugeriu que fosse ouvido o corregedor da Polícia Civil. Neste sentido, estou apresentando um requerimento para que o corregedor e o delegado geral compareçam a esta casa e apresentem suas versões sobre o assunto. Precisamos que esse assunto se encerre e que a gente possa melhorar sim a nossa casa civil”, concluiu.

Texto: Mircléia Magalhães/Agência

Foto: Sérgio Vale