Desembargadora Regina Longuini apresenta programa de apoio a jovens do Sistema Socioeducativo a parlamentares

Desembargadora Regina Longuini apresenta programa de apoio a jovens do Sistema Socioeducativo a parlamentares

 

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Júnior (PP), suspendeu a sessão desta quarta-feira (20) para receber a desembargadora Regina Longuini, que apresentou aos parlamentares o Programa de Desenvolvimento Profissional e Inclusão Social Pelo Trabalho, desenvolvido com jovens usuários do Sistema Socioeducativo do Estado.

O Programa Radioativo é realizado desde o ano de 2019, graças a uma parceria entre o Tribunal de Justiça do Estado do Acre (TJAC), a Federação das Indústrias (FIEAC) e o Ministério Público do Estado (MPAC). O objetivo dele é promover a qualificação profissional por meio de cursos de aprendizagem ofertados pelo SENAI e SENAC, buscando a inclusão de jovens usuários do Sistema Socioeducativo do Estado, vítimas do trabalho infantil e escravo e em situação de vulnerabilidade social, desenvolvendo competências técnicas e habilidades socioemocionais essenciais para sua inserção no mercado de trabalho”.

A desembargadora pediu que os parlamentares destinem parte de suas verbas para que o Programa possa alcançar mais jovens. “Atualmente, nós ajudamos 36 jovens, mas esse número é muito baixo diante da quantidade que precisa ser atendida, por isso pedimos aos deputados que eles nos ajudem com a destinação de verbas. A pobreza tem assolado os corações das famílias nas periferias, que acabam se filiando a facções criminosas. Sei que vossas excelências têm um olhar humanitário e, cada um alocando um pouco desse dinheiro, nós conseguiremos alcançar mais adolescentes”.

O presidente Nicolau Júnior falou sobre a importância do Programa, que oferece aos jovens uma oportunidade de serem inseridos no mercado de trabalho, afastando-os da criminalidade. “Nós recebemos uma cópia do projeto, que agora vai ser analisado pelos colegas deputados. É uma iniciativa louvável, que certamente vai receber o apoio necessário. A proposta busca a inclusão de jovens usuários do Sistema Socioeducativo do Estado do Acre, vítimas do trabalho infantil e escravo, que serão preparados para o mercado de trabalho”.

A atual meta do Programa é qualificar profissionalmente, e inserir no mercado de trabalho, cerca de 120 jovens e adolescentes acompanhados pelas Varas da Infância e da Juventude da Comarca de Rio Branco, em situação de vulnerabilidade e risco social, durante o período de 2021 a 2023.

Andressa Oliveira/ Agência Aleac

Revisão: Suzame Freitas

 

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com