Pedro Longo manifesta pesar pela morte do desembargador Jorge Araken

Pedro Longo manifesta pesar pela morte do desembargador Jorge Araken

Na sessão remota desta terça-feira (15), na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), o deputado Pedro Longo (PV) lamentou a morte do desembargador aposentado, Jorge Araken Faria da Silva, 84 anos, ocorrida no último sábado (12). Ele estava internado no Hospital Santa Juliana, em Rio Branco, com Covid-19.

Jorge Araken atuou no Poder Judiciário Acreano de 1968 a 1985 e foi o único desembargador, até então, presidente do Poder Judiciário por dois mandatos (1974 – 1975 e 1984 – 1985). Na época, a Corte Acreana de Justiça era composta ainda por cinco desembargadores. Para o deputado, sua partida deixa um grande “vazio” no mundo jurídico do Estado.

“O desembargador Jorge Araken deixa uma trajetória marcada pelo servir, missão que exerceu com respeito e dignidade, honrando o direito público. Sua partida deixa um grande vazio no mundo jurídico do Acre. Além de sua grande contribuição como desembargador, destaco também que ele foi fundador do curso de Direito da Ufac, onde lecionou de 1969 a 2002. De fato, uma perda irreparável para o Estado do Acre. Transmito aqui o meu profundo pesar aos familiares, ao Tribunal de Justiça e à sociedade acreana como um todo”, disse.

Mircléia Magalhães/Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com