Deputado Lourival Marques destaca crescimento dos recursos liberados pelo Pronaf

Deputado Lourival Marques destaca crescimento dos recursos liberados pelo Pronaf

lourival150915O líder do Partido dos Trabalhadores na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Lourival Marques, destacou na sessão desta terça-feira (15) a notícia veiculada num jornal local que afirma que o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) está dispondo este ano de R$ 60 milhões em créditos para financiar a safra agrícola dos produtores familiares do Acre, que respondem hoje pela maior parte dos alimentos produzidos no Estado.

Segundo o parlamentar, esse volume de recursos corresponde a quase o dobro do que foi financiado no Estado em 2010, quando R$ 30,5 milhões foram liberados para os agricultores familiares. “Em 2014 os recursos liberados pelo Pronaf foram ainda maiores, com o programa tendo liberado R$ 80 milhões em créditos”, ressaltou.

Ainda de acordo com o deputado, os investimentos do Pronaf no Acre se somam aos trabalhos de assistência técnica e de fomento que o governo Tião Viana vem prestando aos milhares de pequenos agricultores acreanos para aumentar a produtividade e a produção de alimentos no Estado.

“Os aumentos dos recursos do Pronaf, da produtividade e da produção de alimentos no nosso Estado representam o compromisso que o governador Tião Viana tem com os pequenos agricultores do Estado. Além de receber assistência técnica da Emater, os mais de quatro mil agricultores familiares do Estado também contam com o apoio de fomento das Secretarias de Extensão Agroflorestal e Produção Familiar (Seaprof) e da Secretaria de Estado de Agricultura e Pecuária (Seap)”, disse.

Lourival Marques também comemorou os dados do Pronaf que mostram que entre os anos de 2010 e 2014 os recursos de crédito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar cresceram consideravelmente nos municípios acreanos. O município de Tarauacá, por exemplo, foi o que apresentou o maior aumento no volume de recursos de crédito do Pronaf, saindo dos R$ 744 mil liberados em 2010 para os R$ 6,2 milhões repassados no ano passado, representando um aumento de nove vezes.

“No mesmo período, os municípios de Rio Branco e de Plácido de Castro tiveram o segundo maior aumento de volume de recursos do Pronaf, com sete vezes mais. Rio Branco pulou dos R$ 4,3 milhões concedidos em crédito em 2010 para R$ 30,5 milhões repassados no ano passado. Plácido saiu de R$ 1,4 milhão em 2010 para R$ 10 milhões em 2014. Esses dados mostram que a produção do Acre só tem crescido com o passar dos anos, só não enxerga quem não quer”, afirmou.

Ainda de acordo com os dados do Pronaf, os municípios de Xapuri e de Brasileia ficaram em quarto e quinto lugares em relação aos aumentos de crédito no Acre entre os anos de 2010 e 2014. Xapuri aumentou em 4,3 vezes o volume dos créditos, passando de R$ 1,6 milhão em 2010 para R$ 7,5 milhões em 2014. E Brasileia saiu de R$ 2,2 milhões para R$ 4,1 milhões.

“É nítido o fortalecimento da agricultura familiar no interior. Visitei um plantio de melancia numa área de 17 hectares perto de Senador Guiomard, o produtor vai ter a safra em 60 dias, são mais de 450 toneladas de melancia. O gerente do Supermercado Araújo vai comprar por dia 800 frutos, o produtor vai tirar com essa safra R$ 250 mil, isso tudo com o apoio do governo do Acre”, disse.

Para concluir, Lourival Marques rebateu as declarações do oposicionista Jairo Carvalho (PSD). Na tribuna, o oposicionista teria reclamado da falta de uma máquina para “arrancar macaxeira”. Segundo Lourival Marques, Jairo Carvalho não teria conhecimento técnico para avaliar os projetos estatais, pois o equipamento citado por ele sequer existe no mercado.

“Se o senhor achar uma máquina para arrancar mandioca pode trazer que nós vamos comprar. Nem de mandioca o senhor entende”, enfatizou”.

Mircléia Magalhães
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Facebook