Deputado Luiz Gonzaga salienta que trabalhador brasileiro não pode ser penalizado com novos tributos

Deputado Luiz Gonzaga salienta que trabalhador brasileiro não pode ser penalizado com novos tributos

gonzaga100915O deputado Luiz Gonzaga (PSDB) criticou, em seu pronunciamento, na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), a política econômica adotada pelo governo federal que visa criar novas formas de tributos. Para ele, os recursos subtraídos por aqueles que estão envolvidos em prática de corrupção deveriam ser devolvidos ao país. Desse modo, o trabalhador brasileiro não seria penalizado com mais impostos.

“Venho a esta tribuna para falar com relação ao absurdo do governo federal que faliu este país e agora quer simplesmente colocar a conta nas costas dos trabalhadores. O governo é que tem que devolver o que as pessoas roubaram deste país, e não colocar nas costas do trabalhador. O governo tem que fazer uma reforma administrativa, parar de utilizar recursos públicos para colocar os apadrinhados”, disse o deputado tucano.

Ele se pronunciou contrário a aquisição de novos empréstimos pelo governo do Estado. Para o parlamentar, os empréstimos que são adquiridos não atendem à sua real finalidade.

“No Acre não é diferente. Agora estão falando em novos empréstimos, aumentar a conta dos acreanos. Já é de costume, toda véspera de eleição se faz empréstimos. Os empréstimos são feitos e a finalidade não se realiza. Obras que são frutos de empréstimos estão paradas. A notícia que se tem é que os recursos foram gastos na campanha”, salienta.

Luiz Gonzaga pediu uma reforma administrativa no Executivo. “Já estou anunciando: sou contra novos empréstimos. Façam uma reforma administrativa. Reduzam esses cargos que servem apenas para apadrinhados”.

José Pinheiro
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com