Deputado Edvaldo Magalhães cita problemas enfrentados em escolas de Feijó

Deputado Edvaldo Magalhães cita problemas enfrentados em escolas de Feijó

 

O retorno das aulas presenciais na rede pública de ensino foi tema do discurso do deputado Edvaldo Magalhães (PCdoB) durante sessão realizada na manhã desta quarta-feira (06). O parlamentar citou problemas enfrentados em três escolas do município de Feijó, que não retornaram suas atividades por falta de profissionais, merenda escolar e energia elétrica.

“Vejam que vergonha, as três maiores escolas de Feijó, Raimundo Augusto de Araújo, Nâncio Magalhães e a única de ensino médio, José Gurgel, não tiveram retorno das aulas por conta de problemas que poderiam facilmente ter sido resolvidos. Nas duas primeiras, falta pessoal de apoio e merenda escolar, na última, não resolveram um problema de energia. Tiveram tanto tempo para fazer isso, mas não o fizeram”, criticou.

Após relatar que existem escolas servindo ki-suco e bolacha na merenda escolar, Edvaldo questionou ao governador Gladson Cameli (PP) sobre as promessas feitas por ele de que seriam servidas duas refeições fartas para os alunos da rede pública de ensino.

“Cadê o pomposo e extraordinário programa que ia deixar os alunos bem alimentados com duas refeições por dia? Tem escola pedindo açúcar emprestado na taberna do bairro para fazer ki-suco. Falta funcionário para receber os alunos e ajudar na higienização deles. Essa é uma marca do ensino público no Estado inteiro. Faltam professores, falta merenda, faltam providências básicas que deveriam ter sido tomadas há tempos”, finalizou.

Andressa Oliveira/ Agência Aleac

Revisão: Suzame Freitas

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com