Calegário denuncia falta de testes rápidos do Coronavírus no Huerb

Calegário denuncia falta de testes rápidos do Coronavírus no Huerb

O deputado Fagner Calegário (sem partido) denunciou na sessão remota desta quarta-feira (9) a falta de testes rápidos no Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb). Ao relatar a visita que fez àquela Unidade de Saúde, o parlamentar frisou que os pacientes que chegam ao hospital com sintomas do novo coronavírus não são testados.

“Pela manhã, fiz uma visita ao Pronto Socorro de Rio Branco e pude constatar algo gravíssimo, o hospital não tem teste rápido da Covid-19. Ou seja, o paciente que entra no hospital é encaminhado para a mesma ala dos pacientes que já estão lá. Não tem como separar os pacientes contaminados dos outros porque a unidade de saúde não possui teste rápido. Isso é um absurdo”, disse.

Na tentativa de buscar uma solução para o problema, o deputado sugeriu que o secretário de Saúde, Alysson Bestene, busque uma parceria com a prefeitura de Rio Branco. “Apresento aqui uma solução, peço que o secretário de saúde busque a prefeitura da capital e firme uma parceria, uma espécie de convênio para o fornecimento desses testes rápidos ao setor de urgência e emergência. Não podemos de forma alguma colocar os pacientes que estão infectados junto com os que não estão. Isso é muito perigoso”, alertou.

Para concluir, Fagner Calegário apresentou um requerimento solicitando da direção da Fundação de Tecnologia do Estado do Acre (Funtac), um relatório de atividades realizadas no período em que antecedeu as eleições municipais. “Tenho recebido denúncias de que teriam sido distribuídos sacolões no município de Jordão. Neste sentido, gostaria que o diretor da Funtac demonstrasse qual foi a ação desenvolvida pela fundação nesse período”, finalizou.

Mircléia Magalhães/Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com