Doutora Juliana demonstra preocupação com aumento da violência contra a mulher durante pandemia

Doutora Juliana demonstra preocupação com aumento da violência contra a mulher durante pandemia

A deputada Doutora Juliana (PSB) demonstrou preocupação, na sessão on-line desta terça-feira (28), com o avanço da violência contra a mulher no Estado do Acre durante o período de isolamento social em função da pandemia de Covid-19.

 “Esse é um problema que não se ameniza com água e sabão, ou com o uso de álcool em gel. A violência contra a mulher tem crescido no Estado durante esta pandemia e isso é muito triste. O isolamento social tem tornado a mulher ainda mais refém do seu agressor, fazendo com que ela não tenha condições de denunciá-lo. Isso é muito preocupante”, disse.

Para a deputada é necessário e urgente que os órgãos responsáveis se debrucem sobre o tema. “Nós precisamos fazer alguma coisa para mudar essa realidade. Temos que ficar atentos a esse problema que assola o nosso estado. Ofereço a minha ajuda aos órgãos responsáveis pela proteção à mulher no Acre, não podemos ficar de braços cruzados. Mulheres, os nossos direitos não estão em quarentena, denunciem por favor”, complementou.

Doutora Juliana parabenizou ainda os municípios de Acrelândia, Bujari, Capixaba, Epitaciolândia, Jordão, Marechal Thaumaturgo, Porto Walter, Rodrigues Alves e Santa Rosa que hoje completam 28 anos de emancipação política.

“Parabenizo a todos, em especial Porto Acre que é o berço da minha família. Um forte abraço aos moradores dessas queridas cidades”, finalizou.

 

Texto: Mircléia Magalhães
Revisão: Suzame Freitas
Foto: Raimundo Afonso
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Facebook