Jenilson Leite cobra medidas enérgicas do governo para conter avanço do coronavírus

Jenilson Leite cobra medidas enérgicas do governo para conter avanço do coronavírus

Em pronunciamento na sessão desta terça-feira (17), o vice-presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Jenilson Leite (PSB), cobrou do governo do Estado medidas mais enérgicas para conter o avanço do coronavírus (Covid-19). Segundo o parlamentar, que também é médico infectologista, o momento pede medidas preventivas.

“O governador tinha que ter tomado medidas enérgicas, mais comprometidas com a saúde pública, infelizmente não o fez. A suspensão das aulas, por exemplo, é uma decisão que precisa ser tomada. O isolamento é necessário, o foco precisa ser a prevenção”, disse.

O deputado segue a mesma linha de raciocínio do diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS), Tedros Adhanom, que afirmou que é preciso ampliar o número de testes e o isolamento para prevenir novas infecções. “Essa cadeia de transmissão só será cortada se houver isolamento e evitarmos que uma pessoa passe o vírus para outra”, complementou.

Ainda de acordo com o oposicionista, não é o momento de se tomar decisões médicas, e sim epidemiológicas. “E quem toma essas decisões é o governador e sua equipe epidemiológica. Nós não temos o medicamento para curar a doença e matar o vírus. Nós precisamos tomar medidas que impeçam a transmissão do vírus e essas decisões precisam partir do governo do Estado”, complementou.

Texto: Mircléia Magalhães
Revisão: Suzame Freitas
Foto: João Simão
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Facebook