Deputado Roberto Duarte parabeniza presidente da Aleac por retirada de PL sobre criação de Instituto de Gestão da Saúde

Deputado Roberto Duarte parabeniza presidente da Aleac por retirada de PL sobre criação de Instituto de Gestão da Saúde


Durante sessão realizada nesta quarta-feira (11) o deputado Roberto Duarte (MDB) parabenizou o presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), Nicolau Júnior (PP), pela retirada de pauta da proposta que propõe alteração na Lei do Pró-Saúde e cria o Instituto de Gestão de Saúde do Acre.

Duarte ressaltou que com a decisão de adiar a votação, dá-se início a uma nova etapa, onde os parlamentares, líderes sindicais e técnicos do governo irão se reunir para discutir cada tópico da Lei. Ele destacou que espera que ao final de todo o processo seja tomada a melhor decisão em favor dos trabalhadores. A votação da Lei será feita apenas no ano que vem.

“Inicialmente quero parabenizar a atitude do presidente por esse projeto não ter sido encaminhado para cá. Também ressalto que os deputados se colocaram contrários a esse projeto, tanto os da base como oposicionistas e independentes. Vamos ter que começar uma nova etapa, uma nova forma de fazer os diálogos. Espero que termine tudo bem. Parabenizo ainda os servidores e sindicalistas que lutaram bravamente”, enalteceu.

Num segundo momento, Duarte se reportou ao deputado José Bestene pedindo ao mesmo que leve a mensagem à Casa Civil de que vários foram os partidos que ajudaram a eleger, tanto o governador e seu vice, como também os dois senadores, portanto, é desrespeitoso algumas autoridades ficarem criticando gestores eleitos pelo voto popular.

Roberto Duarte se referiu ao fato do vice-governador Major Rocha (PSDB) ter feito críticas ao prefeito de Sena Madureira, Mazinho Serafim (MDB), o que acabou por aflorar os ânimos entre os correligionários. O deputado pediu mais respeito e afirmou que o gestor municipal é um grande líder e um dos maiores responsáveis pela eleição do atual governo.

“José Bestene, o que me traz aqui também é que tenho visto os partidos que ajudaram a eleger o governador, o vice dele e também os dois senadores, se digladiando com relação as eleições de 2020, estão querendo fazer carnificina. Li na imprensa local declarações do vice-governador sobre o Mazinho, um dos prefeitos que mais contribuiu com a eleição do Gladson, que tem feito um trabalho brilhante em Sena, que foi eleito pelo voto popular e por isso merece respeito. Nós não aceitamos esse tipo de tratamento com ele, por essa razão exigimos retratação”, determinou.

Texto: Andressa Oliveira
Revisão: Suzame Freitas
Foto: Raimundo Afonso
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Facebook