Deputado Gehlen Diniz afirma “Dizer que o Moro vai para o inferno, ora, se ele vai para o inferno o Lula já está lá faz tempo”

Deputado Gehlen Diniz afirma “Dizer que o Moro vai para o inferno, ora, se ele vai para o inferno o Lula já está lá faz tempo”


Durante sessão realizada nesta terça-feira (11) o deputado Gehlen Diniz (PP) se posicionou acerca do vazamento de mensagens entre Sérgio Moro e Deltan Dallagnol, no período de investigações da Operação Lava Jato. O parlamentar disse que se comprovada a ação irregular do ex-juiz federal, tanto ele quanto os demais envolvidos deverão ser condenados, mas que é preciso ter cautela para não se condenar antecipadamente.

Após material publicado pelo site The Intercept, que produz reportagens com base no vazamento de trocas de mensagens, onde o atual Ministro da Justiça, Sérgio Moro e o procurador da República Deltan Dallagnol, trocaram mensagens sobre a Operação Lava Jato, alguns políticos levantaram discussões sobre a veracidade das informações, enquanto outros pedem a punição dos envolvidos por tentarem induzir o rumo da investigação.

Diniz destacou que, diferente dos petistas, ele não defende aqueles que cometem atos ilícitos. Reiterou também que até o momento não viu nada que seja considerado como ilegal por parte do atual ministro, mas que, caso surjam provas mais contundentes sobre a postura do mesmo, ele deverá ser condenado por seus atos.

“Até agora não vi nada de ilegal que coloque em xeque a postura do atual ministro da Justiça. Não se pode condenar, antecipadamente, caluniando-o da forma que vejo alguns deputados fazendo. Dizer que o Moro vai para o inferno. Ora, se ele vai para o inferno o Lula já está lá faz tempo, pois cometeu um crime contra a pátria, mandando nosso dinheiro para fora, causando um verdadeiro caos em toda uma nação”, finalizou.

Andressa Oliveira
Revisão: Suzame Freitas
Foto: Raimundo Afonso
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com