Deputado Gehlen Diniz afirma que PT vai deixar o governo com dívidas milionárias

Deputado Gehlen Diniz afirma que PT vai deixar o governo com dívidas milionárias

Durante sessão realizada nesta terça-feira (20) o deputado Gehlen Diniz (PP) disse que assim como Eliane Sinhasique (MDB), ele também se preocupa com a atual situação econômica do estado. O parlamentar destacou que o governo tem se vangloriado por pagar os salários em dia, mas não fala das dívidas milionárias que fez ao longo dos anos.

“Quero me somar à deputada Eliane a respeito da preocupação com a saúde financeira do estado. Quando vejo o governador fazer publicação em rede social dizendo que há tantos meses paga os salários em dia, é porque ele sabe o que fez, sabe como está a saúde financeira do Acre”, disse.

Gehlen Diniz relatou que o governo repassa atualmente R$ 40 milhões por mês para o Acreprevidência, e que para dar conta das novas aposentadorias esse valor deverá subir para R$ 70 milhões ano que vem. Disse ainda que o atual governador concedeu reajuste salarial a algumas classes, mesmo sabendo que não há como pagar, uma vez que o estado se encontra em uma grave situação de déficit econômico.

“Espero que nosso futuro governador saiba contornar essa situação, pois são dívidas milionárias, empréstimos milionários. O atual governo agiu de forma irresponsável por anos a fio e sabe a batata quente que vai passar adiante”, afirmou.

Em relação à decisão do presidente eleito Jair Bolsonaro sobre o Programa Mais Médicos, que resultou na saída de mais de oito mil médicos cubanos do território brasileiro, Gehlen afirmou que se brasileiros formados no exterior precisam comprovar capacitação técnica por meio do Revalida, nada mais justo que os cubanos também sejam submetidos ao exame.

“Sobre o Mais Médicos, vejo essa ação de Cuba retirando os profissionais do Brasil como uma tentativa de prejudicar um presidente que ainda nem assumiu. Temos muitos médicos formados na Bolívia, os de Cuba podiam trabalhar aqui sem revalidar o diploma, no entanto, brasileiros formados no exterior não podiam”, finalizou.

Andressa Oliveira
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com