Eber Machado diz que projeto de negociação de dívidas de empresários precisa ser debatido com o setor

Eber Machado diz que projeto de negociação de dívidas de empresários precisa ser debatido com o setor

O projeto de lei que dispõe sobre a proposta de quitação da dívida que os empresários têm com o Estado pautou o debate na sessão desta terça-feira (13). A matéria diz respeito à redução e multas e acréscimos moratórios relacionados a débitos tributários do Imposto sobre Operações Relativas à Circulação de Mercadorias e sobre Prestações de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação – ICMS.

Em pronunciamento na tribuna, o deputado Eber Machado (PDT) disse que só votará a matéria se a mesma for debatida junto com os órgãos competentes e com o setor empresarial do Estado.

“Como vamos votar um projeto desses sem antes discuti-lo com os principais interessados? A Federação do Comércio foi ouvida? A Federação das Indústrias? E os comerciantes? Nós precisamos ouvi-los para então podermos votar com responsabilidade. Se for para beneficiar a todos eu voto favorável. Agora, se for para beneficiar uma minoria votarei contra”, disse.

O pedetista também falou sobre sua atuação no cargo da vice-presidência do Poder Legislativo. Ele agradeceu o apoio que recebeu do presidente, Ney Amorim (PT), durante os quatro anos que compôs a Mesa Diretora da casa.

“Tenho muito orgulho de ter sido o 1º vice-presidente desta casa e de ter trabalhado ao lado de Ney Amorim, aprendi muito com ele nesses quatro anos. Quero dizer a ele que o PDT está de portas abertas, estamos te esperando, queremos muito abraçá-lo”, concluiu.

Mircléia Magalhães
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com