Deputado Daniel Zen: “Faremos uma oposição sem ódio, sem revanchismo e sem rancor”

Deputado Daniel Zen: “Faremos uma oposição sem ódio, sem revanchismo e sem rancor”

Na sessão desta quarta-feira (10) na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) o deputado reeleito pelo Partido dos Trabalhadores Daniel Zen comentou o resultado das eleições ocorridas no último domingo (7). Ele disse que o sentimento é de gratidão pelos 20 anos que a Frente Popular do Acre esteve no poder.

“O nosso sentimento é de gratidão pelos 20 anos ininterruptos que a Frente Popular permaneceu no governo do Acre. No último domingo, o povo decidiu que era hora de mudar e nós temos que respeitar isso. A vontade soberana do povo deve ser respeitada”, disse.

Para o deputado, o momento é de reflexão tanto para os candidatos eleitos quanto para os derrotados. “Nossos candidatos majoritários foram guerreiros demais. Ney Amorim fez uma campanha de forma aguerrida e honrada, mas não deu, faz parte da democracia. Marcus Alexandre e Jorge Viana, ambos deram o seu máximo, se empenharam no limite para obterem um resultado favorável nessas eleições que infelizmente não veio. O que não dá é para fazermos uma avaliação no calor da emoção dos fatos, sair procurando um culpado pela derrota. Isso é um erro”, salientou.

Daniel Zen falou ainda como pretende atuar no Poder Legislativo, dessa vez como oposição. “O que nos resta agora é fazer uma oposição nesta casa sem ódio, sem rancor, sem revanchismo de vingança. Quem me conhece sabe que eu tenho lado e não vou mudar. Eu não torço para o time do ‘quanto pior melhor’, como oposição vou trabalhar com responsabilidade como sempre fiz”, concluiu.

Mircléia Magalhães
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com