Deputado Luiz Gonzaga lamenta cancelamento de contrato da obra do Linhão do Juruá

Deputado Luiz Gonzaga lamenta cancelamento de contrato da obra do Linhão do Juruá

Na sessão desta terça-feira (19), o deputado Luiz Gonzaga (PSDB) disse que a construção de uma linha de transmissão de energia no Juruá resolveria a falta de abastecimento de energia no interior do Acre. O tucano lamentou a suspensão da obra do Linhão em Cruzeiro do Sul, que, segundo ele, ocorreu por meio de uma decisão judicial.

De acordo com o deputado, o Tribunal de Contas da União (TCU) recomendou que as Centrais Elétricas do Norte do Brasil S/A (Eletronorte) cancelasse o contrato com a MAVI Engenharia, empresa que ganhou a licitação para construção do Linhão, que vai integrar os municípios de Cruzeiro do Sul, Tarauacá e Feijó, e pediu a restituição de R$ 40 milhões dos recursos que já teriam sido repassados à empresa.

Ainda segundo o oposicionista, a obra era para ter sido concluída em 24 de janeiro de 2017, mas depois de mais de um ano um novo acordo teria sido celebrado e a Eletronorte pediu um parecer do TCU.

“No dia 15 de maio um acordo foi assinado em Brasília para reiniciar essa obra, mas o Conselho da Eletrobras dependia de um parecer do TCU que foi negativo. Foi uma decisão jurídica, eu não tenho nada contra, mas a falta desse Linhão dificulta muito a vida de quem mora no Juruá. Esse Linhão garantiria a interligação dos municípios do interior direto ao sistema nacional. A mobilização política é necessária para garantir a conclusão dessa obra”, disse.

O deputado falou ainda da possibilidade da usina termelétrica de Rio Branco ser desativada. De acordo com ele, a usina será desativada para ser instalada em Roraima.

“Estão querendo agora desativar a usina que tem em Rio Branco, com duas turbinas, que tem capacidade de atender até 25% da população caso haja um problema com o Linhão. Ela existe para atender órgãos essenciais, como hospitais, por exemplo, que não podem ficar sem energia. Querem retirar do Acre para mandar para Roraima. Isso é um absurdo. Cadê o governo do Estado nessas horas? Tem o problema da construção do Linhão em Cruzeiro do Sul, agora a desativação da usina de Rio Branco. A classe política deste Estado precisa se unir para resolver esse problema. Nós precisamos esquecer as diferenças partidárias, em primeiro lugar está o bem-estar da população”, concluiu.

Mircléia Magalhães
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com