Deputado Jairo Carvalho cobra conclusão de obras do Pronto Socorro

Deputado Jairo Carvalho cobra conclusão de obras do Pronto Socorro

Em pronunciamento na sessão desta quinta-feira (17), o deputado Jairo Carvalho (PSD) voltou a cobrar do governo do Estado a conclusão das obras do novo Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb). A obra teve início em 2010 e o prazo de execução era de 14 meses. O parlamentar frisou que o prédio deveria ter sido entregue no primeiro semestre de 2012.

“Pense num governo desastroso é esse do PT. Ontem recebi mais uma cobrança em relação às obras do Pronto Socorro, as pessoas não aguentam mais esperar. Na sala de ortopedia daquele hospital centenas de pessoas estão na fila à espera de cirurgia. Isso é um absurdo, chega a ser desumano. Essa obra era para ter sido concluída há cinco anos e até agora não foi entregue”, disse o parlamentar.

Ainda de acordo com o oposicionista, o secretário de Saúde nada faz para resolver a situação. “Peço que o secretário de Saúde, que eu não sei nem quem é, resolva essa situação. Está um desmando só naquele Pronto Socorro. Lá a situação é muito triste. Vai fazer seis anos que estão construindo um novo hospital, nós queremos uma explicação. É muita incompetência”, complementou.

Jairo Carvalho também voltou a cobrar a recuperação da rodovia AC-40, que liga Rio Branco a Plácido de Castro. “Estive mais uma vez ouvindo a população de Plácido de Castro e eu vou logo avisar que eles vão fechar a estrada. Está muito perigosa, é buraco para todo lado. Esse governo não cuida das estradas, não cuida de nada. Pense num governo incompetente, que não faz nada. Tião Viana é, na verdade, o maior cabo eleitoral de Gladson Cameli, ele está fazendo de tudo para o Gladson ganhar essa eleição. Está há oito anos no poder e o que ele fez foi acabar com o nosso Estado”, disse.

Para concluir, o deputado disse que sua equipe já está elaborando o anteprojeto de lei que cria o “bolsa funerária”. “Todo dia morre dois ou três aqui na capital, vítimas dos bandidos, e sou procurado pelas famílias para ajudar a comprar o caixão. Morrer está muito caro senhor governador. Já que o senhor não está dando conta da segurança, então que ajude a pagar o funeral das vítimas que são assassinadas todos os dias”, enfatizou.

Mircléia Magalhães
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com