“A presença dos haitianos no evento da presidente foi um ato de amor e agradecimento”, diz Eber Machado

eber120315O 1º vice-presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eber Machado (PSDC), defendeu na sessão desta quinta-feira, 12, a presença dos haitianos no evento em que a presidente Dilma Rousseff (PT) realizou a entrega das 966 unidades habitacionais da Cidade do Povo às famílias alagadas de Rio Branco. Após ouvir críticas da oposição com relação à presença dos imigrantes no local, o parlamentar afirmou que os haitianos têm muitos motivos para prestigiar a presidente do Brasil. “Por que os haitianos não podiam ir ao evento da presidente? Por que eles não podiam ir ao evento do Governo do Acre?”, questionou.

Ainda comentando a visita presidencial o parlamentar, o parlamentar destacou a hospitalidade do povo brasileiro e a receptividade dos acreanos. “Tanto o Brasil quanto o Acre abriram as portas para esses imigrantes, recebemos eles de braços abertos, os acolhemos. Eles apenas foram honrar quem sempre estendeu a mão a eles”, disse.

O deputado relembrou o terremoto ocorrido em janeiro de 2010 no Haiti que deixou edifícios históricos em ruínas, pessoas desabrigadas e matou mais de 200 mil pessoas. “São pessoas sofredoras e desoladas que merecem nosso acolhimento. Eles perderam tudo naquele terremoto e vieram para o Brasil na esperança de ter uma vida melhor. As famílias acreanas também passaram por um grande sofrimento, a cheia do Rio Acre todo ano deixa inúmeras famílias desabrigadas. A presença deles no evento da presidente representa nada mais que a gratidão, foi um ato de amor por tudo que ela e o Acre têm feito por eles”, concluiu.

Mircléia Magalhães
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Facebook