Curso de Libras da Aleac supera expectativas e bate recorde de inscrições

Curso de Libras da Aleac supera expectativas e bate recorde de inscrições

O dia estava amanhecendo quando a profissional em radiologia Kelren Lima chegou ao hall de entrada da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), nesta segunda-feira (5), para fazer a inscrição no Curso de Libras, que tem duração de 120 horas, ofertado em três turmas. Ela conta que o objetivo é aprender uma nova língua e aperfeiçoar o atendimento aos pacientes.

“É importante porque está muito solicitado hoje no mercado de trabalho e acrescentar isso ao currículo é uma oportunidade ímpar. Hoje é necessário saber Libras para você atender uma pessoa com deficiência auditiva”, diz Kelren Lima.

Outra que procurou a Escola do Legislativo Acreano para fazer a inscrição foi a estudante de psicologia Denise Elídia da Silva. Ela afirma que a iniciativa é salutar. “Investir em educação é algo maravilhoso. Então, um curso desse vem melhorar nossa condição e assim poderemos atender outras pessoas”, ressalta.

Já a diretora da Escola do Legislativo, Rachel Farias, acrescentou que devido à grande procura pelo curso, um cadastro de reserva será feito. “Faremos um cadastro de reserva não muito extenso para não criar expectativas nas pessoas. Esse é um curso que vem beneficiar a comunidade e agradeço muito o apoio que o presidente Ney Amorim tem dado à Escola por meio dos cursos, palestras e ações desenvolvidas por nós”, disse a diretora.

A professora de Libras e intérprete da Aleac, Onélia Abreu, falou a respeito da metodologia a ser adotada. “O objetivo do curso é não somente a área da Educação, mas no contexto geral para a comunidade, porque a Libras hoje está inserida nas escolas, no meio cultural e antes a gente tinha o foco na Educação Especial, hoje não. Isso dá uma abertura maior para garantir capacitação. Hoje ela é uma disciplina obrigatória em alguns cursos de licenciatura, magistério. O objetivo mesmo é a inclusão na sociedade. Ela é a segunda língua oficial do Brasil”, pontua.

As turmas estão previstas para ter início nos dias 19 e 20 de fevereiro. A respeito disso, o professor de Libras e também intérprete da Aleac, Alexandre Souza, destacou que as aulas serão dinâmicas, visando a aprendizagem dos estudantes. “Eu procuro não centralizar aquela comunidade que está sendo matriculada. Então eu procuro dar uma aula bem dinâmica e prender a atenção dos meus alunos para que eles absorvam o máximo de informação possível e útil para o dia a dia deles”, completa.

José Pinheiro
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com