Aleac realiza sessão solene em homenagem aos 60 anos do 4° BIS no Acre

Aleac realiza sessão solene em homenagem aos 60 anos do 4° BIS no Acre

Por meio de um requerimento de autoria da deputada Maria Antônia (PROS), foi realizada na manhã desta quinta-feira (14), na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), uma sessão solene alusiva aos 60 anos do Comando de Fronteira do Acre, representado pelo 4° Batalhão de Infantaria de Selva (4º BIS).

O presidente, em exercício, deputado Eber Machado (PSDC), enalteceu o serviço prestado pelo Exército Brasileiro à pátria. O parlamentar destacou também que o Batalhão precisa de mais investimentos e atenção do governo federal.

“Os senhores carregam uma responsabilidade muito grande e contribuem para o futuro da nossa nação. Em especial, o serviço prestado para o nosso Estado e nossa fronteira é de grande valia. Os senhores carregam a confiança do povo brasileiro. Viva o nosso 4° BIS!”

A autora da proposta, deputada Maria Antônia (PROS), destacou a atuação militar na Amazônia. Disse que o Exército Brasileiro desenvolve um trabalho honroso no Acre, não só guardando as fronteiras, mas atuando também em situação calamitosas, como as enchentes.

“Dizer da nossa alegria e da nossa admiração pelo Exército Brasileiro. Sou fã do Exército Brasileiro. O Exército cuida do nosso povo. Aonde tem um brasileiro, os nossos soldados estão lá. O meu irmão faz muita falta aqui no Acre, mas sei que ele está no Exército contribuindo lá com nossos irmãos brasileiros em Pernambuco. Eu tenho muita alegria em ser a autora desse requerimento”, disse Maria Antônia.

O comandante do 4º BIS, coronel Wellington Valone Barbosa, disse que o maior patrimônio que a instituição tem são os homens e mulheres que compõem o Batalhão. Ele agradeceu às famílias acreanas por conceder que seus filhos ingressem no Exército Brasileiro e sirvam ao país, aprendendo valores como lealdade, fidelidade, patriotismo e, acima de tudo, amor ao próximo.

“Uma unidade militar tem seus recursos materiais, patrimoniais, mas o bem mais precioso é o recurso humano. E de onde vem esse recurso humano? Vem da sociedade acreana. A justificativa de estarmos na Casa do Povo comemorando os 60 anos do 4º BIS é esse: o 4º BIS é formado por acreanos e por isso estamos aqui para agradecer ao povo acreano”, disse Valone.

O deputado Jesus Sérgio (PDT) defendeu maiores investimentos nas forças armadas. “Essa menção tão honrosa a esses guerreiros da nossa pátria é mais que merecida, afinal são 60 anos do 4° BIS em nosso Estado. A disciplina e os ensinamentos que o Exército passa são essenciais para encaminhar os jovens que fazem parte dessa instituição. O Brasil precisa investir mais nas forças armadas para que a juventude tenha mais oportunidades”, argumenta.

Já o deputado Jairo Carvalho (PSD) disse que os componentes do Exército Brasileiro “são anjos da guarda que protegem a integridade do nosso país”, pontua o parlamentar.

Finalizando, o deputado Luiz Gonzaga (PSDB) destacou o trabalho do Exército Brasileiro na construção das cidades na Amazônia e citou como exemplo Cruzeiro do Sul. “Eu vi o Exército chegar em Cruzeiro do Sul na minha infância e vi o trabalho desenvolvido ali. Foram feitos todos os aterros necessários para o estabelecimento da cidade. O trabalho do Exército Brasileiro não foi só isso, mas também para desbravar a BR-364, o sonho de toda a população da região do Juruá. O Exército Brasileiro teve uma importância fundamental fazendo esse trabalho. Infelizmente, para fazer o asfaltamento contrataram outras empresas e está a situação que está. Se tivesse sido construída pelo Exército teríamos uma estrada de qualidade”, defende.

José Pinheiro e Andressa Oliveira
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com