Deputado Jamyl Asfury apresenta PL que institui Dia Estadual do delegado de polícia

Deputado Jamyl Asfury apresenta PL que institui Dia Estadual do delegado de polícia

O deputado Jamyl Asfury (PDT) apresentou na sessão desta quinta-feira (17), na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), projeto de lei que institui no Estado do Acre o Dia do Delegado de Polícia, a ser comemorado no dia 3 de dezembro. Ao justificar o PL, ele afirma que, com sua aprovação, o Poder Legislativo reconhecerá os relevantes serviços prestados à sociedade pelos delegados.

O parlamentar disse que a proposição atende um anseio antigo dos delegados do Estado. Ele frisou que a data é importante porque reconhece o esforço, dedicação e o compromisso das autoridades policiais com a segurança da população. “Essa é uma homenagem justa a esses profissionais. Já existe um movimento nacional para instituir esse dia e hoje eu estou tendo a honra de protocolar esse PL nesta Casa. Tenho certeza que ele receberá o voto favorável dos meus colegas deputados”, complementou.

O deputado falou da importância da atividade exercida pelas autoridades de polícia. Ele ressaltou que a data é oportuna para agradecer a colaboração de todos os policiais que ajudaram a transformar a Polícia Judiciária brasileira numa Instituição forte e respeitada.

“A atividade exercida por esses profissionais é de fundamental importância, além da investigação criminal, pelo trabalho de mediação de conflitos exercido por estes abnegados homens. As ações de enfrentamento à criminalidade e violência são essenciais porque ajudam a consolidar a cultura de paz em nosso país”, enfatizou.

O projeto de lei explica que o dia 3 de dezembro foi escolhido como a data comemorativa porque nesse dia, em 1841, o imperador Dom Pedro II criou a carreira de delegado de polícia através da Lei nº 261. A regulamentação da lei ocorreu com o Decreto nº 120, de 31 de janeiro de 1842, que instituiu, na época, o cargo de chefe de polícia em cada uma das províncias do Brasil.

Jamyl Asfury apresentou ainda quatro moções de aplauso, uma delas ao promotor de Justiça Marco Aurélio, pelo relevante trabalho prestado ao Estado. O Juiz Giordane Dourado, a Liga Acreana de Capoeira e o SOS Família também foram homenageados pelo parlamentar.

O parlamentar apresentou também o projeto de lei que concede o título de cidadão acreano ao empreendedor Roberto Alves Fernandes.

Para concluir, o deputado voltou a defender a proposta de que os parlamentares possam destinar 50% de suas emendas à Segurança. Asfury acredita que os recursos podem contribuir para melhoria das condições de trabalho das polícias Civil e Militar na capital e interior do Acre.

“É importante que nós apoiemos a Segurança Pública neste momento. Destinarei 100% de minhas emendas individuais para a Segurança Pública. A destinação de 50% das emendas de todos os deputados estaduais pode ser uma demonstração de interesse real dos colegas em colaborar com a segurança de todos os acreanos, como aconteceu este ano com a educação”, concluiu.

Mircléia Magalhães
Agência Aleac

Sobre agencia agencia

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com